Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Casa da Cabrita

A Casa da Cabrita

Sobrevivi à primeira tempestade de Berlim. Foram 2 horas de chuva com momentos de trovoada muito maus (eu não gosto de trovoada portanto todos os momentos são maus). Cheguei a ver 5 relâmpagos ao mesmo tempo, e vi ao mesmo tempo que ouvi, ou seja estavam mesmo em cima do apartamento, ai que bom. Juntar isso aos nervos pré-primeiro dia, e pronto passei uma noite em branco. No total devo ter dormido 2 horas. E valeu a pena? Nop.

O meu primeiro dia foi óptimo. A equipa é espectacular, o meu orientador é um fofinho e deram-me o melhor computador (isto é, se fizer porcaria ao menos sei mais rapidamente). Almoçámos todos na cantina e a comida é uma bela porcaria. Eles dizem que ao fim de 3 anos habituaram-se.... só que não. Toda a gente odeia, mas não há nada mais barato. Fui dar um passeio com eles depois pela Alexanderplatz, e mostraram-me o melhor pub. Como me sinto um bocado adoentada voltei logo para casa, passar dos 40ºC para os 25ºC num dia deixa uma pessoa KO. Obrigada à mãe pelas pastilhas para a garganta de emergência que encontrei na mala, já fui comprar mais.

Amanhã falo mais do meu projecto :)

 

P.S - JÁ CONSEGUI COMPRAR ÁGUA SEM GÁS! Mas comprei latas sem abertura fácil... ai.